domingo, 1 de agosto de 2010

Pedido


Desejo ser só sua, receber seus carinhos e abraços.
 Sentir finalmente seus beijos molhar-me a boca
Seus braços fortes envolver-me inteira,
Seu olhar profundo me pedindo amor
E eu prontamente nem resisto me entrego
Inteira, solta, sem vergonha...
O sorriso meu te cativa
E seu olhar me hipnotiza
Há meu amor, te amo tanto e nem sabes
Meu corpo deseja...arde, queima por ti
Já não suporto mais tanto esperar
Cada dia é uma tortura
Eu te suplico, fica comigo
Me faz feliz, por apenas existir
De que tem medo vida minha?
Será que não sou boa o bastante
Ou egocêntrica demais...
Me diz alguma coisa, um fio de esperança somente
Ou apenas um adeus e nada mais...






 

Nenhum comentário:

Lá vem a vida me convidando para sorrir... Desculpe, estou sem vontade. Lá vem a vida me convidando à dançar... Desculpe, não aprendi ...