terça-feira, 29 de setembro de 2009

No limite da esperança



Nem tudo que faço na minha vida é em prol do bem comum, penso antes nas vantagens e desvantagens de se arriscar por algo que nem sempre condiz com minha realidade. Muitas vezes me vi forçada a acreditar em histórias fantasiosas para me auto defender da vida mesmo que por vezes, essa é dura demais... Por incrível que possa parecer, mesmo em meio ao caos achei sentido na vida e continuei caminhando. Porque prosseguir não é a maior dificuldade e sim tirar cada pedra do caminho, vai tempo e paciência demasiada. Por mais cristã que a pessoa seja blasfemar faz parte da rotina de cada um de nós. Caridade seletiva ... é tudo que podemos dar em troca do olhar de uma criança é esperar que as pessoas que assim como eu, encontrem um sentido real, pra mim basta- me a coragem necessária para fazer o que se deve ser feito.

2 comentários:

SONHADORA disse...

Força e muita coragem é necessària para conseguirmos, contornar todas as curvas da vida sem nos despitarmos...QUERER é PODER.... e de certeza que vai conseguir vencer e atingir todos os seus nobjectivos... SEJAM ELES QUAIS FOREM...so os fracos desistem, e algo me diz que não è o seu caso....CORAGEM.

Eugenia disse...

Coragem é algo que realmente nunca me faltou,E que ás vezes são tantos os degraus que fica difícil...cansativo...
Um forte abraço

TREM BALA- Ana Vilela (LETRA)