segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Bertrand Russell, filósofo

Temer o amor é temer a vida, e os que temem a vida já estão meio mortos!

Nenhum comentário:

Lá vem a vida me convidando para sorrir... Desculpe, estou sem vontade. Lá vem a vida me convidando à dançar... Desculpe, não aprendi ...