domingo, 4 de março de 2012

quem ama não perdoa, só enterra o passado com jumbo... 
É como se jogasse de pá em pá a esperança de regastar aquele tempo perdido, impossível. 
Siga em frente...Ninguém muda o passado!

Nenhum comentário:

Lá vem a vida me convidando para sorrir... Desculpe, estou sem vontade. Lá vem a vida me convidando à dançar... Desculpe, não aprendi ...