terça-feira, 27 de outubro de 2009

Andando pelo caminho

Fui pelo caminho passeando devagar, olhei para os lados não havia ninguém por lá
Tropessando pelas pedras , me pus pelo caminho...não sabia se era seguro mas fui indo
Pensamento voava longe, tantas coisas  me inspiravam e incomodavam
Em determinados momentos fraquejei, quis sentar e ficar ali parada, imóvel...
O vento à bater no meu rosto e olhar o horizonte sem ter que pensar no futuro
Quero me esquecer de tudo, trago só lembranças boas, as ruins jogo fora
Não é sinal de fraquesa querer começar estrada nova... É por já conhecer a velha estradinha
que digo isso, sua trilha não leva a nenhum lugar
 Seguirei rumo diferente dos caminhos antigos, e vou querer muitas pessoas a meu lado...


Eugenia

4 comentários:

SONHADORA disse...

Um dia,fui ver o mar, ao comtempla-lo, senti uma paz enorme, pois meu coração ficou sentindo o rebentar das ondas, da espuma branca, salpicando meu rosto e dizendo devagarzinho ao meu ouvido!!!
Vês como eu te acalmo!!!não vejas apenas a minha fúria, mas vê e sente e quanto te posso fazer feliz, nem que seja por alguns instantes; sorri... molhei meu rosto e ai, sim, tive a certeza de estar VIVA, prontinha p"ra ser FELIZ...tudo à nossa volta é FELICIDADE...por isso continua o teu caminho e escolhe o caminho que te leva à FELICIDADE lembra apenas as coisas BOAS...e assim terás sempre muitas pessoas ao teu redor; TAL COMO DESEJAS.... Dà muito AMOR A TUA FABULOSA NETINHA....Estarmos vivas é um enorme PRIVILEGIO....

Eugenia disse...

Obrigada você é uma pessoa que tem muita experiência de vida.Que bom ter alguém que entende o que digo. A vida tem que ser saboresada por completo e nem sempre fazemos isso não é mesmo?

Cor de Rosa e Carvão disse...

Oi Gê. Sempre é bom ter pessoas ao nosso lado pelo caminho. Mas confesso que o sabor da vitório é infinitamente melhor quando vencemos sozinho. Mesmo assim, nunca desprezo ajuda, assim como não me nego a ajudar quem realmente precisa.

Beijo e boa sorte sempre.

Eugenia disse...

Ao longo do percurso podemos nos assustar ou se alegrar com as surpresas que achamos pelo caminho e essa é a mágica de tudo nunca saber o vai acontecer...beijos Cor de Rosa e Carvão

Lá vem a vida me convidando para sorrir... Desculpe, estou sem vontade. Lá vem a vida me convidando à dançar... Desculpe, não aprendi ...